[Prologo] Declínio

Ir em baixo

[Prologo] Declínio Empty [Prologo] Declínio

Mensagem por Hécate em Qui Ago 28, 2014 4:49 pm


O começo do fim

ㅤㅤEstava tudo indo bem, tanto no mundo humano quanto no meio divino. Após as guerras contra Chronos e contra Gaya, não houveram mais problemas para os semideuses ou mesmo para os deuses. Não seria correto dizer que estavam em completa paz, pois no mundo que habitam isto seria ser irrealista, algo que a muito não se davam mais o luxo de ser desde o último ataque. O clima nos reinos dos Três Grandes também estava mais tranquilo. O único erro foi se esquecer que, quando tudo está muito calmo, alguma coisa não está certa.
ㅤㅤMoros estava ocupado com seus afazeres, junto a alguns semideuses que haviam ido ao Submundo para ajuda-lo como seus seguidores fieis e servos, mesmo que não fosse um grupo oficial - e não faziam questão de ser. Para quem olhasse, possuía uma boa aparência: trajava uma túnica escura, sua pele era clara, seus cabelos profundamente negros e jogados para trás e seus olhos eram de um azul profundo. Enquanto os semideuses limpavam a caverna e ajeitavam as coisas da divindade, ele escrevia com zelo alguma coisa. Então ele parou, de repente, e ficou estático, fitando o vazio. Já acostumados com estes ataques do deus, os seus servos não se incomodaram em se pronunciar para ajudar, esperando que ele saísse do estado e falasse com eles. Depois de algum tempo, o filho de Nyx piscou e se ergueu, batendo a roupa. Deixou o livro aberto, com a pena sobre a pagina que escrevia, fechou o tinteiro e olhou seus seguidores.
ㅤㅤㅤㅤ─ Cuidem de tudo aqui, irei falar com o senhor Hades.
ㅤㅤFoi o que disse, antes de sair, indo em direção ao castelo do senhor dos infernos com uma urgência palpável.


ㅤㅤSentado em seu trono, o imperador do submundo ouviu o que ele dizia. Algumas divindades submundanas haviam se unido a reunião, como Perséfone, Hécate e Thanatos. O silencio estava reinando no recinto após as palavras serem proferidas, ameaçando ser quebrado, por fim, por Hécate. A deusa da magia parecia ter sido a que se recuperou mais rápido do impacto da noticia.
ㅤㅤㅤㅤ─ Por que não soubemos antes disso? Com tantos deuses podendo fazer previsões e controlando o destino, por que só agora? Eles deveriam saber disto O TEMPO TODO. ─ Declarou Nêmesis, que havia acabado de se juntar a eles. Cansado, Moros olhou para ela com um olhar penetrante. A deusa do equilíbrio não o assustava nem um pouco. Quando ele falou, sua voz estava tão gélida quanto o gelo de Quione deveria ser ou quem sabe até mais frio do que isso.
ㅤㅤㅤㅤ─ Cuido do destino, Nêmesis, porém existem áreas e partes do destino que nem os deuses podem controlar. Você melhor do que ninguém deveria saber disto, afinal sua função é cuidar do equilíbrio. Ele estaria abalado se controlássemos tudo, em todo o tempo e em todos os lugares.
ㅤㅤPerséfone, Hécate e Thanatos se uniram a discussão pouco depois, onde a deusa da magia estava claramente a favor de Moros, enquanto a Morte e a Primavera se mantinham neutros naquela confusão toda. A discussão teria ido longe se Hades não tivesse limpado a garganta, fazendo todos se silenciarem. O senhor dos mortos se ergueu do trono, com o manto tremulando e sorriu.
ㅤㅤㅤㅤ─ Pois bem, convocarei uma reunião no Olimpo. Moros e Hécate, quero os dois no Olimpo comigo. Thanatos, convoque os Ceifadores. Perséfone, seus bastardos, digo, filhos devem ficar de prontidão. Avisem aos outros para prepararem filhos e seguidores. Mesmo que o Olimpo e Atlântida não acreditem, devemos estar preparados.
ㅤㅤSem entender o porquê de ir junto, Hécate deu de ombros e sorriu para Thanatos, lhe dando um selinho e acompanhando Moros para o saguão principal do castelo, onde deveriam esperar por Hades para irem resolver os problemas. Os demais deuses seguiram para cumprir as ordens de Hades sem muitas reclamações.


ㅤㅤFoi preciso longas horas para conseguir mobilizar todos os Olimpianos para a reunião, pois além de espalhados alguns se recusavam a parar seus afazeres porque Hades havia convocado uma reunião de última hora. Com ambos parados aos sombras de seu trono na sala, Hades respirou fundo e olhou para os dois. Hécate estava monitorando o fluxo de magia constantemente e Moros alerta a procura de pistas, ambos esperando o sinal da divindade para se pronunciarem perante os outros deuses, mas sabiam que caso percebessem alguma coisa anormal deveriam notificar na hora. Muitas vezes, ambos faziam caretas ou emitiam sons esquisitos, mas logo davam de mão e acalmavam a divindade. Quando todos os olimpianos estavam ali, incluindo Héstia, a reunião se iniciou.
ㅤㅤㅤㅤ─ Eu pedi para todos virem até aqui porque... Uma nova guerra pode estar para se iniciar. Não, eu não estou ameaçando o Olimpo ou os mares. Moros, explique a eles o que me contou mais cedo, no Submundo, Moros.
ㅤㅤCom passos lentos e medianos, o deus saiu das sombras e se postou de frente para os deuses, indo até sua altura e forma divina, quando antes tinha apenas um metro e oitenta.
ㅤㅤㅤㅤ─ Vários grupos armados de semideuses estava marchando contra lugares que nós julgávamos serem seguros. As relíquias que alguns deuses esconderam não estão mais seguras: eles as querem. Há monstros com eles, também. Eles tem as piores intensões possíveis. Os tempos de paz estão se...
ㅤㅤㅤㅤ─ Alguns dos renegados estão tentando invocar algo. ─ Interrompeu Hécate, revelando-se. O Destino olhou chateado para ela, mas sabia a importância do aviso. ─ Desculpe-me, Moros, continue.
ㅤㅤㅤㅤ─ Não há mais como fingirmos que nada está havendo, precisaremos lutar de novo. E desta vez não sei quem pode ser o inimigo. A única forma de termos uma chance é eliminando os semideuses e combatendo os deuses desordeiros.


ㅤㅤBryan estava ajoelhado em frente a uma pira de fogo mágico que agora bailava no formato da cabeça e da face de Akhlys. A deusa passava-lhe as últimas instruções do que fazer. Os próximos alvos, estando decididos, o semideus de Hermes saberia para onde enviar os campistas. Lembrava-se da vida desolada naquelas montanhas desoladas no Alaska, onde via criaturas antigas e semideuses treinando juntos. Não havia a beleza e a graça dos treinos e embates do Acampamento. Não haviam garotas nas arquibancadas gritando e acenando, ninguém iria cuidar dos ferimentos deles depois. Não havia pódio de chegada, namoradas, honrarias ou mesmo um agradecimento arrogante de uma divindade após uma missão bem sucedida. Eles haviam escolhido abrir mão de tudo aquilo para atacarem o Acampamento, quinze anos antes, e agora estavam fadados aquilo ali. Mas os dias de desgraça estavam no fim. A deusa lhes dava poder e fornecia algumas informações em troca de sua lealdade e que lutassem contra o Olimpo. Era tudo o que precisavam. Agora, só faltava concluir o plano.






Informações:
- Campistas que desejam participar devem ser RECLAMADOS.
- Não há numero máximo de personagens / contas que podem participar, mas só assumam as postagens caso venham a participar.
- As inscrições devem ser feitas aqui mesmo.
- Os semideuses chamados pelos deuses só serão divulgados quando a trama começar a ser, oficialmente, postada.
- Cada semideus representará um deus, sendo ele seu pai/mãe ou provindo de um grupo extra. Não tem nada a ver com ser monitor ou não.
- Numero minimo de participantes: 10
- Há riscos de morte
- Consequências podem vir ocorrer com aqueles que possam vir a recusar o chamado, não se esqueçam
- Inscrições abertas até duas semanas após conseguir os 10 campistas
- As consequências caso os campistas não se manifestem podem ser EXTREMAMENTE ruins. Ou não. Quem sabe?
- Campistas nível 1 também podem participar. Prometemos sermos razoáveis, mas não podemos garantir que algumas coisas exageradas aconteçam. Ou muitas. Ou todas.
Inscrições:
Nome Completo:
Progenitor e Grupo Extra:
Nível:
Por que você quer participar da trama?:
Caso seja aceito na trama, irá se comprometer com as postagens?:


♦ the white swan ♦ @ cg
Hécate
Hécate

Mensagens : 105
Data de inscrição : 16/08/2014

Ver perfil do usuário http://guardians-of-olympus.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum